Estudantes de 6 a 15 anos recebem orientações e aprendem novos ofícios no turno inverso ao da escola

Uma simples conversa com crianças e adolescentes atendidos pela Casa Anjos Voluntários é suficiente para perceber o quanto o aprendizado de novos ofícios pode estimular a criatividade e a responsabilidade.

_ Se não estivesse aqui, estaria na rua ou sem fazer nada. Provavelmente nem nossos temas faríamos _ confessa Andressa Santos Branco, 15 anos, que deseja estudar Relações Internacionais. Ela buscou a instituição há três anos para aprimorar os conhecimentos.

Apostando na assistência social e na convivência, a instituição acolhe jovens de 6 a 15 anos com oficinas e aulas de preparação para o mercado de trabalho. Lá, são atendidos, no turno inverso ao da escola, 145 jovens vítimas de algum tipo de vulnerabilidade social. Os serviços oferecidos pelos 30 funcionários incluem apoio psicológico, refeições, reforço escolar e aulas de panificação. A instituição também presta acompanhamento familiar.

Com 14 anos, os alunos ingressam em uma nova modalidade de ensino. A turma trabalha o desenvolvimento pessoal e profissional, com técnicas de escritório, preparação de pizzas, idiomas e palestras.

_ Nosso intuito é fazer com que mudem de vida. Os que permanecem desde o início já saem para o mercado. É como uma borboleta, que forma o casulo até se preparar para o voo _ explica a presidente Isamar Ordovás Sartori.

A Anjos Voluntários é uma das entidades ajudadas pela Feijoada do Pulita, que ocorre no dia 30 de junho. Os ingressos custam R$ 160 e podem ser comprados pelo telefone 3027.7720 ou pessoalmente na instituição. O endereço é Rua Benjamin Custódio de Oliveira, 152, bairro Charqueadas. O horário de funcionamento é de segunda a sexta, 7h30min às 17h30min.

Os ingressos também são vendidos pelas seguintes entidades: Apae, Lar da Velhice São Francisco, Associação Criança Feliz, Centro Assistencial Portal da Luz, Cruz Vermelha, Liga Feminina de Combate ao Câncer, Patna, Rim Viver, Scan, Pra – Vida, Instituto Fonte de Apoio, Aapecan, Projeto Associação Mão Amiga, Parceiros Voluntários, Associação Beneficente Gelcindo Nunes, AAPC, Educaritá, Centro Cultural e Espírita Jardelino Ramos e Centro Assistencial e de Promoção Social Joana D’Arc.

Fonte: Jornal Pioneiro

http://pioneiro.clicrbs.com.br/rs/geral/cotidiano/noticia/2012/06/casa-anjos-voluntarios-prepara-jovens-em-situacao-de-risco-para-o-mercado-de-trabalho-em-caxias-do-sul-3778686.html